Como a contabilidade auxilia na gestão de recursos da empresa?

Como a contabilidade auxilia na gestão de recursos da empresa?

Ter uma contabilidade é essencial não só para cumprir com as suas obrigações com o fisco, mas para ter um diferencial competitivo. Como isso é possível? Qual é o papel do contador junto ao processo de tomada de decisões?

Neste post você vai entender como a contabilidade é importante para a gestão de recursos das empresas, auxiliando não só para que ela cumpra suas obrigações tributárias, mas para que o gestor possa tomar decisões com base em dados confiáveis e seguros e que mostrem uma visão estratégica do negócio.

Demonstrações contábeis

As demonstrações contábeis, que suprem uma necessidade obrigatória junto ao fisco, são uma excelente fonte de informações para o processo de tomada de decisão estratégica para a gestão de recursos. Tanto o Balanço Patrimonial (BP) quanto a Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) são essenciais neste processo.

O BP apresentará a composição patrimonial e financeira da organização, ou seja, como estão seus bens, direitos e obrigações e quanto cada um representa nessa configuração. Já a DRE mostra a composição econômica do resultado, evidenciando as receitas e despesas que levam ao lucro ou prejuízo de um período determinado.

Receitas e despesas

Falando mais especificamente das receitas e despesas, a contabilidade poderá auxiliar a gestão de recursos na compreensão do comportamento desses componentes. Podem ser gerados relatórios históricos, entendendo a variação em diferentes períodos ou em relação ao resultado total.

Com base nesses valores poderão ser feitos cortes ou substituições de gastos ou ainda impulsionados determinados produtos ou serviços. Alternativas também poderão ser traçadas buscando melhorias em processos e maximização nos resultados.

Indicadores financeiros

Combinando as demonstrações contábeis com relatórios é possível também utilizar uma técnica chamada análise de balanços ou análise das demonstrações contábeis. A gestão de recursos fica facilitada nesse aspecto, pois é possível compreender como os recursos estão sendo aplicados ou que áreas apresentam deficiências.

Os indicadores mais comuns nessa área são os de liquidez, que mostram como estão as disponibilidades da empresa, de endividamento, que representam o grau de comprometimento da empresa junto a terceiros, entre outras possibilidades de análise que fazem parte da contabilidade gerencial.

Economias tributárias

A gestão de recursos também pode ser beneficiada com as economias tributárias. Somente profissionais altamente especializados na área contábil podem atuar nesse contexto devido à complexidade da matéria tributária brasileira. Eles auxiliam no correto recolhimento dos impostos, evitando multas, juros e outros problemas administrativos decorrentes do não envio de obrigações acessórias.

Os profissionais auxiliam os gestores no entendimento e escolha do melhor regime tributário, que pode ser uma excelente fonte de economia para a empresa. Esse processo pode ocorrer antes mesmo de a empresa começar a operar. Caso ocorra depois, com ela já em curso, é conhecido como elisão fiscal, uma forma legal e inteligente de economizar na gestão financeira.

Você acabou de ver como a gestão de recursos pode se beneficiar da contabilidade. O processo começa com o entendimento do papel do contador, ou seja, de que ele atua não só na parte de elaboração e envio de obrigações contábeis e tributárias, mas que ajuda na interpretação e análise de tais informações.

Bons profissionais ajudam o gestor na interpretação das informações contábeis, relatórios e indicadores e podem gerar economias de diferentes formas, inclusive do ponto de vista tributário com a adequação de processos e elisão fiscal ou planejamento tributário. E aí, gostou deste post? Deixe o seu comentário para nós!

AV. N. Srª dos Navegantes, 955 - Sl 720 - ED. Global Tower
Enseada do Suá - Vitória/ES  |  +55 27 3025-6006